29/09/10

Só há um motivo pelo qual não amaldiçoo este clima e esta aragem gelada que se faz sentir... Só há um motivo porque não me deprimo cada vez que olho pela janela... e esse motivo é ele... Porque este tempinho de merda faz-me lembrar a altura em que nos conhecemos. As tardes e horas passadas no pub irlandes e em cafézinhos pequenos e apelativos. Cigarros e café. E conversa, muita conversa. E podiamos falar durante horas. E ele fazia-me sorrir. E mais conversa, mais cigarros, mais café, gargalhadas... Percorrer as ruas de Antuérpia, enquanto conversavamos, com as faces quase geladas...
E isso tornou-se um vicio. Maior que o do tabaco ou café. Tornou-se um vicio o encontro quase diário para contarmos as nossas peripécias diárias, por poucochinhas que fossem. Andar pela neve para nos encontrarmos, apanhar grandes chuvadas, gelar os pés, tudo compensava com um cafézinho quente e duas de letra. E depois chegou o natal, e pareceu-me ainda mais natal. E depois mais dois meses passaram, até que percebi que não havia volta a dar... Era ele o único que me fazia rir, sorrir e sonhar...
é por isto que não consigo deixar de gostar do frio....

4 comentários:

Helena disse...

pronto, entao ker dizer k se acabaram os posts a falar mal do tempo. Muahahah, não acredito.

Jo disse...

Nã!!!! para isso nunca tinham existido :p os posts hao-de continuar lolol

Sonia disse...

:)

Alvafaust disse...

O frio aquece os corações.