17/03/10

Hoje em dia...

... as pessoas não respeitam os outros, nem a si mesmos...
... as pessoas pisam, sem sequer olhar para o chão...
... as pessoas mentem, convencem-se e convencem...

Hoje em dia é chato. é muito chato perceber que grande parte das pessoas só é feliz com a infelicidade dos outros. Pior ainda é quando esses "outros" são amigos, ou pelo menos, supostamente...
Eu não entendo a vontade de pisar, fazer parecer mais, desprezar um amigo...
Não entendo que as pessoas decidam as suas próprias vidas, e achem que tem o direito de decidir a vida dos outros, e quando não o conseguem, lhes apontem o dedo para sempre... Eu não entendo nada disso... porque isso para mim nem sequer pode ser chamado de amizade...
E by the way, porque é que quando uma pessoa está no estrangeiro tem que ser sempre a que toma a iniciativa de ligar ou mandar mensagem aos amigos/família? Por acaso, os que ficam não tem saudades também?
Por essas e por outras é que quando vou a Portugal só faço questão de estar com dois ou tres amigos, mas esses são os que valem a pena. Os que me mandam mensagem, sem esperar que eu mande primeiro. Os que me acompanham. O resto? O resto é paisagem...
Ah, Soninha, Joaninha, queria muito este ano estar convosco... saudades...

10 comentários:

Mário disse...

Pois e sabes porquê? Porque o emigra ganha mundos e fundos, então ele é que tem o dever de ligar lol

Jo disse...

Eu acho que nao é isso...acho é porque afinal nao sentem tanto assim a falta de quem foi embora...

MJ disse...

Jo,
Então a disposição do post anterior a este?
Não deixes pequenas coisas estragarem o teu dia.
Boa sorte para logo,
MJ

Jo disse...

a boa disposiçao continua :D foi so um assunto do qual me lembrei, mas nem tou ressabiada, porque no que toca a mim, as pessoas nao estao sempre a espera que eu ligue :p
Obrigada :)
beijoca

Boxexas disse...

Este post foi "agri-doce" para mim...Comecei a ler com tristeza por saber ainda existem "amizades" assim...mas depois terminei com um sorriso. Um sorriso com saudades!!!Muitas. Também quero estar contigo miguita! E aproveito para ver a Soninha que também não lhe ponho a vista em cima à séculos!! e só vivemos a uns escassos kilómetros, agora pensa!:D
Quanto aos supostos "amigos" que gostam de apontar o dedo e ficam felizes com a "desgraça" alheia; continuo a pensar que esse tipo de pessoas devem ter vidas muito insignificantes para terem de se dar ao trabalho de viver da vida dos outros.
Quanto à familia...dá um desconto.Não acredito que não sintam saudades.
Não te quero triste!OKI?!?! :)

beijoquinhas doces

So_Riso disse...

Olha é mesmo verdade. Não que eu esteja fora mas essa connversa o meu mano diz muitas vezes! Então que o irrita é tipo quano esta cá e vem um ou outro e diz, então pá, nunca mais disseste nada! looooool e então o pessoal porque também não diz ne??
enfim....


http://so_risoincognito.blogs.sapo.pt/

Miss Kitty disse...

No fundo pessoas que têm essas atitudes não são amigas de ninguém. Os outros só servem (com as suas tristezas) para os fazer sentir melhor.

**

Atena disse...

Eu não me posso queixar, as pessoas que eu mais gosto ligam-me, mandam-me sms etc...

:)

Bjito*

Jo disse...

As pessoas que eu mais gosto também estão em contacto comigo, mas a verdade é que o que vejo é que em regra geral quando as pessoas vem para fora os amigos tendem a dizer que uma pessoa não dá noticias... e isso é injusto porque a pessoa pode mandar uma ou duas mensagens mas também se cansa se não recebe de vez em quando um sinal de vida que não seja apenas resposta.
E também acho que um verdadeiro amigo não lixado com a felicidade de outro... mas isso sou eu que gosto de receber boas notícias... mas enfim, assunto que dá pano pa mangas...
Beijinhos pa todas :)

Ps- Joaninha, prometo que se for aí vamos matar saudades :)

sarafredo disse...

Como eu te compreendo, e depois quando chegas a portugal tu é que tens de ir a casa deste e daquele visitar. Enfim, eu tenho 3 amigas, quando eu chego, no mesmo dia ou no seguinte há cafésinho lá em casa, elas é que me visitam, lembram-se mais de mim que eu delas, volta e meia chega um presente por correio. Família, já não sei o que é ter familia (à parte pais e irmã), quando a minha filha nasceu foi preciso a minha mãe pedir que me enviassem uma sms ou telefonassem porque eu só chorava lá sózinha no hospital rodeada pelas visitas da vizinha do lado, quando os meus pais passaram um mau momento ninquém foi capaz de dar um ombro ou um ouvido, por isso agora deixei de visitar os que se dizem familia e passei a gozar as minhas férias e a ter mais tempo para quem realmente merece. É triste, infelizmente é verdade e infelizmente ainda me incomoda cá dentro. Mas eu sou melhor que eles todos juntos e mai nada!!
Desculpa lá o desabafo. :)