19/01/11

A minha vida de rotineira não tem nada... a não ser que se atribua o adjectivo "rotineira" por ser sempre um carroussel, mas fora isso, fazer planos é o mesmo que nadar de costas... ou não nadar, no meu caso, porque não sei...
Assim sendo, mais uma vez (yeah!) vai haver uma grande reviravolta. Além do nascimento do nosso pequeno Noah, como é óbvio.
Estou a pensar dedicar-me à pesca... Ou não... Não sei se abra um negócio, e seja patroa de uma vez por todas (acho que nasci para isso), se me vire para a pastelaria (paixão assolapada que se me tem dado), se vá tirar o mestrado, enquanto me dedico ao meu pequeno e cague para o resto. Sei é que me sinto como um tolinho no meio da ponte, com a diferença que antes era eu. Agora sou eu e ele, já para não falar no meu homem.

5 comentários:

MJ disse...

Jo,
se tens ideias avança, arisca.
Podes abrir uma pastelaria portuguesa e fazer bolas de berlim, e pastéis de nata, seria um sucesso de certeza.
Mas a sério, se tens ideias avança, e torna os sonhos realidade.
Beijinhos,

Jo disse...

MJ, tenho ideias e a "oportunidade", mas tb tenho o receio (gosto mt de estabilidade e isso até a mim irrita...)
Agora tenho uns meses para pensar em td e decidir... :)
Bgda :) BEIJO !

Diana disse...

mudei de link (:

so_risoIncógnito disse...

Se tens a oportunidade linda pensa nisso. Já te ouvi mais que uma vez a dizer isso, nota-se que é um desejo, e os desejos e sonhos só procuram oportunidades, ninguém te garante nada, mas se achas que podes arriscar, arrisca :)
Kiss*

d_domingues disse...

Antes de mais... EU TB NÃO SEI NADAR! :D

Bem se abrires uma pastelaria portuguesa eu serei tua cliente! Adoro pasteis de nata, assim de coração! ;)